Wednesday, October 17, 2012

Ditadura

O Estado português obriga os seus cidadãos a irem ao médico que ele quer, no local que ele quer... Agora também decide os medicamentos que tomam: o Hospital de S. João no Porto suspendeu a compra de medicamentos à Merck pois deve mais de meio milhão de euros ao laboratório e contactou vários doentes para irem a uma consulta de modo a trocarem a medicação.